Slider Image
Slider Image
Slider Image
Slider Image
Slider Image
Slider Image
Slider Image
Slider Image
  • DATAEstreia a 16 de Fevereiro
  • HORÁRIO21:30
  • MORADASala Estúdio do Teatro da Rainha | Rua Vitorino Fróis - junto à Biblioteca Municipal - Largo da Universidade | Edifício 2 | 2504-911 Caldas da Rainha

Ficha Artística

Tradução e encenação | Luís Varela
Cenografia e figurinos | José Carlos Faria
Música e Design sonoro | Carlos Alberto Augusto
Interpretação | Inês Barros, Carlos Borges, José Carlos Faria e Tiago Moreira

Ver Programa
Ficheiro em PDF

Dansen, Quanto custa o ferro?, rascunhos de 1939 e Mies & Meck

Espectáculo próximo do cabaré politico dos anos 30 do século XX, o conjunto constituído pelas curtas peças em um acto de Bertolt Brecht Dansen e Quanto custa o ferro? e pelos esboços dramáticos a elas associados: cena introdutória e cenas intercalares de Dansen e o esboço de peça que chamamos Tratado para além de textos retirados das Histórias inéditas e dos Escritos sobre a Política e a Sociedade.

1938 e 1939. Algures na Escandinávia, entre a Dinamarca e a Suécia, dois exilados alemães acompanham ao minuto, pela rádio e pelos jornais, a progressão das tropas de Hitler. Inquietam-se diante da inacção dos governos nórdicos face à ameaça nazi. E servem-se do teatro para apontar os riscos da neutralidade e propor concertações. Mas Hitler avança e a guerra é já amanhã. Durou seis anos, ou mais?

Retomando aspectos formais de algumas das peças didácticas do autor, a encenação encerra uma dimensão pedagógica sobre os destinos da Europa nos séculos XX e XXI que poderá ser muito proveitosa para jovens e adultos na sua reflexão sobre as mutações que se vêm produzindo no chamado “projecto europeu” nos últimos anos.